6 de jul de 2013

Efeito PEC-37: Promotor do MP de Goiás se alia a Marconi Perillo para proibir protesto contra o tucano

Manifestantes que carregaram a bandeira contra a PEC-37 estão se sentindo "traídos" pelo Ministério Público de Goiás.

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=482802891806475&l=f695e75f76

Manifestantes da cidade Nazário, em Goiás, haviam programado protestar pacificamente nas ruas contra o governador Marconi Perillo (PSDB-GO), que visitou a cidade no dia 4, para fazer campanha eleitoral de sua candidata a prefeita, que disputa eleições suplementares no próximo domingo (7).

Mas o promotor de Justiça que atende a cidade, do alto de seus poderes ilimitados sem a PEC-37 no caminho, intimou os organizadores exigindo o cancelamento do protesto, sob pena de criminalização e detenção.

O presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Goiás, dep. Mauro Rubem (PT), em seu facebook, declarou estranhar o comportamento do Ministério Público por intimidar e reprimir o protesto dos manifestantes, quando esse é um direito assegurado pela Constituição.

Nenhum comentário: