3 de abr de 2013

O Tempo é senhor da Verdade


Sabia que não demoraria muito para a Yoani Sanchez ser desmascarada.

O site espanhol Terceira Informação, noticia o encontro da "blogueira e ativista" com o ex-agente policial da ditadura de Fulgencio Batista, Félix Rodrigues.


O encontro é organizado pela Associação de Veteranos da Baía de Cochinos, grupo de cubanos que vivem em Miami e que, ao lado de tantos outros, notabilizou-se por espalhar terror à ilha, como relata com maestria Fernando Morais, no livro que acabei de ler: "Os Últimos Soldados da Guerra Fria".

Aliás, recomendo pela brilhante reportagem feita pelo autor e jornalista.

Numa nota emitida pela Associação em Miami, na semana passada, os veteranos dão boas vindas a Yoani, que classificam de “lutadora pela democracia e os direitos humanos”.


Felix Rodrigues nada mais é do que o mandante do assassinato de Che Guevara, que morreu na Bolívia em outubro de 1967. De acordo com documentos do governo norte-americano, o Capitão Ramos ou “O Gato”, recebeu por rádio a ordem para matar Che.

Rodríguez já admitiu publicamente que ordenou a um de seus homens para atirar "embaixo do pescoço para que Che parecesse ter sido morto em combate.”

A pergunta é simples: De que lado está Yoani?

ESQUERDA CENSURADA

- com DOLADELA


Nenhum comentário: