26 de ago de 2013

CRISE DA MÍDIA: ESTADÃO PODE VENDER SUA SEDE



Conglomerado de mídia comandado por Francisco Mesquita Neto recebeu autorização de acionistas para captar mais de R$ 260 milhões com a venda de oito imóveis, incluindo o bloco de prédios na Zona Norte de São Paulo, e empréstimos ou financiamentos. Uma possibilidade para levantar recursos é também a venda de concessões de rádio AM e FM e de TV da Rádio Eldorado...




O grupo O Estado de S. Paulo recebeu autorização de acionistas para captar mais de R$ 260 milhões com a venda de ativos e empréstimos ou financiamentos.

A maior parte dos recursos, R$ 205 milhões, deve vir da venda de oito imóveis da companhia, divididos em três blocos. Em um dos blocos estão os três prédios que abrigam a sede do grupo, na zona Norte de São Paulo.

Também ficou definido que a companhia poderá fazer empréstimos ou financiamentos de até R$ 80 milhões. Outra possibilidade para levantar recursos é a venda de concessões de rádio AM e FM e de TV da Rádio Eldorado, com um valor mínimo total de R$ 58 milhões. Foram aprovadas ainda operações de empréstimo entre empresas do grupo que somam R$ 160 milhões.

No balanço de 2012, o grupo registrou receita líquida de R$ 714,5 milhões, alta de 2% na comparação com os R$ 700,7 milhões de 2011. O lucro líquido atribuível aos acionistas ficou em R$ 38,5 milhões, ante R$ 38,6 milhões do ano anterior. A dívida líquida passou de R$ 81 milhões em 2011 para R$ 77 milhões no ano passado.

247Brasil

Nenhum comentário: